Créditos: gettyimages
Legenda: Envolver as crianças nas escolhas é uma forma de incentivar a curiosidade.

Crianças aprendem tudo, inclusive os hábitos alimentares, a partir dos exemplos mais próximos – os adultos. A partir do que é apresentado na infância é que os pequenos serão capazes, ao longo de seu desenvolvimento, de escolherem o que gostam ou não.

No começo, as crianças podem estranhar e recusar muitos alimentos, mas é importante insistir na oferta. Ao que parece, a dificuldade é convencê-las a experimentar e entender que tudo pode, desde que sem exageros.

Incluir as crianças nos preparos das refeições pode ser uma forma de incentivá-las ao novo. Assim é possível diversificar e brincar com a forma de apresentar os alimentos.

Novidades costumam deixá-las entusiasmadas e podem ajudar a mostrar diferentes texturas, preparações e sabores. Além de deixar o lanche mais nutritivo, vai diminuir as chances de as crianças enjoarem.

Confira as dicas da nutricionista Mariana Botelho para elaborar lanches saudáveis e práticos que os pequenos vão pedir mais!

Cores de dar água na boca

Brincar com as cores da comida é uma forma de oferecer alimentos diversos e instigar a curiosidade dos pequenos.

Créditos: gettyimages
Legenda: Os mesmos ingredientes da casa podem servir para diferentes preparos, incluindo os lanches.

Lanchinho prático

Combinando um suco de fruta natural com a fonte de proteína, legume e carboidrato, você prepara um lanche simples e saboroso.

  • Suco de manga
  • Queijo branco em cubinhos com tomate cereja
  • 1 biscoito recheado

Créditos: gettyimages
Legenda: Aproveite frutas da época e que as crianças possam comer com as mãos.

Fruta na lancheira

A mexerica (tangerina ou bergamota) é uma fruta bacana de oferecer aos pequenos, pois é mais deliciosa de comer com as mãozinhas. Além disso, o pão com geleia pode ser cortado em pedaços menores para facilitar.

  • Suco de goiaba
  • Pão de leite com geleia
  • Mexerica

Tortas para agilizar

A torta de legumes é uma opção prática de lanche, pois pode ser preparada para o almoço e jantar e sobrar para um snack à tarde. As versões de liquidificador são rápidas de preparar e dá para variar nos recheios, brincando com os legumes.

Como montar lanches para as crianças

Um lanche saudável deve ser uma combinação de alimentos nutritivos e variados. A recomendação é que sempre tenha um ingrediente fonte de energia (pães, cereais matinais, batata doce, biscoitos), uma fonte de proteínas (leite, iogurtes e queijos) e uma fruta ou vegetal (maçã, banana, tomatinho ou cenoura). Além dos sucos ou outras bebidas, não deixe a água fora dessa refeição! A hidratação é fundamental e vale incentivar o hábito de beber água independentemente de outras fontes.

Agora a hora do lanche vai ser mais um momento para diversificar o paladar das crianças e trazer mais diversão para a rotina!

Assine a nossa Newsletter

A certificação de metodologias que nos auxiliam a lidar com o desafiador cenário globalizado.

Digite um e-mail válido.