Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

Afinal, dieta do ovo funciona mesmo? Mitos e verdades

Legenda: 
Ovo com legumes no prato branco

Sempre surge alguma dieta milagrosa que promete fazer você perder muito peso em pouco tempo. Todo mundo devia saber que isso não é nada saudável e que a perda de peso não é milagre: tudo se dá pela combinação de uma alimentação equilibrada e uma rotina de exercícios físicos. No entanto, algumas dietas podem servir, pontualmente, para auxiliar nesse processo. Será que esse é o caso da dieta do ovo?

O ovo é um alimento acessível, cheio de nutrientes e que, ao longo dos anos, foi ganhando status de queridinho entre os frequentadores assíduos de academia. Conversamos com quem entende do assunto para ver quais são os mitos e verdades sobre essa dieta.

Ovo: vilão ou mocinho?

Por muito tempo, o ovo teve um papel de vilão: o seu consumo diário não era recomendado, já que poderia aumentar as taxas de colesterol ruim. No entanto, isso acabou se provando um mito e, ironicamente, ficou comprovado que ele é capaz de aumentar taxas do colesterol bom.

Os ovos são uma excelente fonte de proteína completa. Eles fornecem várias vitaminas e minerais benéficos, incluindo colina e vitamina A. Além disso, ele também te dá a sensação de saciedade, ou seja, a vontade de dar uma beliscada em um lanchinho ao longo do dia some!

Dieta do ovo cozido

Você tem uma amiga crossfiteira ou aquele colega de trabalho que adora puxar ferro na academia e que come vários ovos cozidos por dia (alô, Gracyanne Barbosa!)? Se sim, provavelmente sabe que muitos deles seguem a tal dieta do ovo cozido.

Apesar de ser feita com muitas variações (“dieta do ovo de três dias”, “dieta do ovo sete quilos em sete dias”, e por aí vai), geralmente ela consiste em comer ovos ou outro tipo de proteína magra em todas as refeições, adicionando vegetais sem amido e uma ou duas porções de fruta que não tenham muito carboidrato – ou seja, nada de banana ou manga!

Esse padrão alimentar mais restritivo pode ajudar a perder peso em um curto período de tempo, no entanto apenas em situações muito específicas. Dietas restritivas podem acarretar uma série de problemas, portanto quase sempre não é sustentável a longo prazo. O que isso quer dizer? Quer dizer que quem faz pode até emagrecer rápido, mas corre o risco de estar deixando de lado nutrientes importantes que vão fazer falta para o corpo. É por isso que nunca devemos fazer qualquer tipo de dieta sem consultar um especialista, ok?

Quer comer ovo? Que tal variar as receitas?

Independentemente da dieta, o ovo é um ingrediente versátil que super pode estar presente na nossa alimentação. E por isso, é sempre bom aprender a variar o seu preparo e também incluir outros ingredientes. Para ajudar, a gente vai deixar aqui uma foodlist só com receitas incríveis com ovos.


Perguntas frequentes

  • O que é a dieta do ovo?

    Consiste em comer ovos ou outro tipo de proteína magra em todas as refeições, adicionando vegetais sem amido em sua constituição e uma a duas porções de fruta que não tenham muito carboidrato.

  • Quais são os benefícios do ovo?

    Os ovos são uma excelente fonte de proteína completa. Eles fornecem várias vitaminas e minerais benéficos, incluindo colina e vitamina A.

>Fontes:

verywellfit.com/is-the-egg-diet-healthy-4157909

healthline.com/nutrition/boiled-egg-diet-review#method

blog.pajaris.com.br/dieta-do-ovo/

Esse artigo foi: Criado por Nutricionistas