Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

Alimentos para os rins: melhore sua saúde pela alimentação

Legenda: 
Alimentos para os rins: abacaxi

Os rins são dois órgãos que fazem parte do sistema urinário e servem como uma espécie de filtro, limpando as impurezas da urina. No entanto, em alguns casos, o funcionamento desses órgãos é prejudicado e se torna necessária a tomada de medidas para restaurar seu bom funcionamento.

Umas das medidas que podem ser tomadas é mudar a alimentação: através de uma alimentação saudável e equilibrada é possível não apenas tratar um rim danificado, como também torná-lo mais forte, prevenindo possíveis doenças renais no futuro.

Sabendo disso, a Que Bem Que Faz preparou esse artigo com alguns alimentos bons para os rins e dicas de como mantê-los sempre saudáveis. Acompanhe!

 

Alimentos bons para os rins

Sejam pessoas que possuem alguma doença renal ou mesmo aquelas que buscam um estilo de vida mais saudável, se o objetivo da pessoa é uma dieta que melhore a saúde dos rins é bom se atentar para alguns minerais que costumam ser restringidos ou consumidos em menores quantidades:

  • Sódio: rins danificados não conseguem filtrar grandes quantidades de sódio e, para rins saudáveis, o consumo exagerado de sódio pode trazer problemas futuros, como doenças renais ou pressão e colesterol altos. O ideal é limitar o consumo de sódio a menos de 2g por dia.
  • Potássio: no geral, o potássio é um mineral essencial para o organismo. No entanto, pessoas com alguma doença renal precisam limitar o consumo desse mineral, pois o corpo não é capaz de filtrá-lo, podendo deixar o sangue com níveis perigosos de potássio. Nesse caso, o ideal é um consumo de menos de 2g de potássio por dia.
  • Fósforo: rins danificados não são capazes de remover excessos de fósforo presentes no organismo, o que pode causar danos ao corpo. O ideal então é o consumo de 0,8g a 1g de fósforo por dia.

Importante lembrar que essas recomendações são apenas para pessoas que já estejam com algum problema renal – ou seja, pessoas com rins saudáveis não precisam restringir tanto assim esses minerais em suas dietas, pois eles são importantes para um bom funcionamento do organismo. Antes de cortar qualquer nutriente ou mineral de sua dieta, busque sempre a orientação de um nutricionista.

Algumas recomendações de alimentos que possuam uma quantidade menor desses minerais e que são bons para a saúde dos rins, são as seguintes:

Couve-flor

A couve-flor é um vegetal rico em diversos nutrientes bons para a saúde, como a vitamina C, a vitamina K e a vitamina B. É também uma grande fonte de fibras, o que melhora o funcionamento do sistema digestivo.

A couve-flor é uma boa opção para a saúde dos rins, pois não possui grandes quantidades de sódio, potássio e fósforo – que podem fazer mal aos rins se consumidos em excesso. Esse alimento também é muito versátil, podendo ser preparado como purê, à milanesa, no macarrão ou mesmo em molhos. Um exemplo é essa deliciosa receita de Creme de Couve-flor.

Robalo

O robalo é uma deliciosa opção cheia de proteínas, gorduras boas e ômega-3. Sendo assim, é um alimento com propriedades anti-inflamatórias que podem melhorar o funcionamento dos rins, além de ajudar a tratar ansiedade, depressão e problemas cognitivos.

Apesar de todos os peixes serem fontes de fósforo, o robalo possui menores quantidades desse mineral em relação a outras espécies de peixe. Ainda assim, é recomendado que o robalo seja ingerido com moderação para não sobrecarregar as porções de fósforo presentes no organismo.

Uma recomendação com robalo, para deixar sua dieta mais deliciosa, é a receita de Peixe com Tomilho e Purê de Banana-da-terra.

Alho

O alho é um ingrediente muito usado para temperar alimentos, podendo muitas vezes substituir o sal dos alimentos devido ao seu sabor acentuado.

Além disso, o alho é uma das melhores opções para o preparo de refeições quando se está em uma dieta renal, pois é rico em diversos nutrientes como as vitaminas C e B6 e compostos de enxofre, que possuem ações anti-inflamatórias e ajudam no bom funcionamento dos rins.

O alho também possui poucas quantidades de sódio, potássio e fósforo, se tornando uma boa opção para pessoas com problemas renais.

Azeite

O azeite de oliva é sempre uma boa opção na dieta, por ser rico em gorduras boas e não possui fósforo. Por conta disso, se torna um ingrediente ideal para quem quer ter rins saudáveis.

O azeite de oliva também possui propriedades anti-inflamatórias, ajudando no trabalho de filtragem dos rins e melhorando a saúde do órgão. Além disso, possui quantidades muito baixas de sódio e potássio, sendo o maior aliado das pessoas que sofrem de alguma doença renal.

Repolho

O repolho é um vegetal crucífero rico em vitaminas, minerais e outros nutrientes muito importantes para a saúde do organismo. Alguns desses nutrientes incluem a vitamina C, a vitamina K, a vitamina B6 e o ácido fólico. O repolho também possui grandes quantidades de fibras, o que auxilia no bom funcionamento do sistema digestivo.

Assim como os outros alimentos já mencionados, possui propriedades anti-inflamatórias, o que auxilia no processo de filtragem dos rins, melhorando a saúde do órgão.

Uma recomendação de receita com repolho, para dar uma variada no cardápio da sua dieta, é essa deliciosa receita de Charutos Especiais.

Pimentão vermelho

Na verdade os pimentões de cores vibrantes no geral são recomendados para uma dieta renal, pois possuem grandes quantidades de vitamina C e vitamina A – que possuem propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias, capazes de ajudar na filtração dos rins e melhorar a saúde da pele, cabelos, articulações, sistema imunológico e outras partes do corpo.

Ainda assim, o pimentão vermelho é o mais recomendado para aqueles que pretendem ou precisam seguir uma dieta renal, pois o pimentão vermelho possui baixas quantidades de sódio, potássio e fósforo.

Veja essa receita de Salada de Legumes Assada em que o pimentão é um dos ingredientes principais, e deixe sua dieta ainda mais deliciosa.

Maçã

A maçã é uma fruta muito conhecida por proporcionar diversos benefícios para a saúde, como reduzir o colesterol, prevenir doenças do coração e até câncer. Mas além disso, a maçã é rica em fibras e compostos anti-inflamatórios, que podem melhorar a saúde dos rins.

A maçã é um alimento versátil, podendo ser usado no preparo de purês, sucos, tortas, bolos e outras receitas. A receita que recomendamos para variar sua dieta é a do nutritivo Crumble de Maçã e Aveia.

Rúcula

A maioria das verduras de folhas verdes mais escuras costumam ser ricas em potássio, o que faz delas alimentos não recomendados para uma dieta renal.

Felizmente, a rúcula é uma verdura de folhas verdes escuras que possui um baixo teor de potássio em sua composição nutricional, sendo uma boa opção que não causará danos aos rins.

A rúcula também possui nutrientes e minerais bons para a saúde óssea e que regulam a pressão arterial. Uma recomendação de receita com rúcula para a sua dieta é a de Talharim com Rúcula e Nozes.

Abacaxi

Muitas frutas tropicais são grandes fontes de potássio – no entanto, o abacaxi possui baixo teor de potássio em sua composição nutricional, fazendo dele uma opção versátil para aqueles que buscam iniciar uma dieta renal que seja mais variada.

O abacaxi é rico em manganês, vitamina C e bromelaína, ou seja, possui propriedades anti-inflamatórias que melhoram a saúde dos rins.

O abacaxi, por ser um alimento versátil, pode ser consumido como sobremesa, lanche ou mesmo como ingrediente em um prato principal para o almoço. Alguns exemplos de receitas são: Mousse de Abacaxi, Bolinhos Cremosos de Abacaxi e Lombo Dourado com Abacaxi.

Morango

O morango é rico em antocianinas e elagitaninos, que são nutrientes com propriedades antioxidantes capazes de proteger as células dos rins, fortalecendo e ajudando no bom funcionamento do órgão.

Além disso, o morango é rico em vitamina C, manganês e fibras, componentes que ajudam na prevenção de doenças do coração e do sistema digestivo. Esses nutrientes também possuem propriedades capazes de prevenir doenças mais sérias, como o câncer.

Uma receita deliciosa feita com morango, que você pode preparar durante a sua dieta renal, é a receita de Salada Primavera de Morangos.

Você pode encontrar informações nutricionais sobre esses e outros alimentos na Tabela Brasileira de Composição de Alimentos - TACO.


Perguntas frequentes

  • Quais frutas são boas para os rins?

    As frutas que são boas para a saúde dos rins são o morango, a maçã, o abacaxi e qualquer outra fruta rica em citratos, pois os citratos previnem a formação de cálculos renais.

  • Qual fruta faz mal para os rins?

    Frutas com grandes quantidades de potássio em sua composição nutricional – como banana, abacate e mamão – costumam ser perigosas para pessoas com propensão a desenvolver doenças renais. Isso se dá porque o potássio é filtrado com dificuldade pelos rins, podendo trazer problemas à saúde.

  • Que alimentos fazem mal para os rins?

    Qualquer alimento que possua grandes quantidades de sódio (como refrigerantes, fast-food e alimentos ultraprocessados) é perigoso para os rins, pois, com o tempo, os rins vão tendo dificuldade para filtrar o sódio do organismo, o que pode facilitar na formação de cálculos renais.

  • Qual o melhor suco para os rins?

    Os sucos de limão, laranja e melão naturais são uma boa opção para melhorar a saúde dos rins por possuírem ácido cítrico, substância que ajuda a prevenir a formação de cálculos renais (também chamados de pedras nos rins).

    Referências

    https://www.healthline.com/nutrition/best-foods-for-kidneys#Diet-and-kidney-disease

    https://www.medicalnewstoday.com/articles/325390

    https://www.kidneyfund.org/kidney-disease/chronic-kidney-disease-ckd/kidney-friendly-diet-for-ckd.html

Esse artigo foi: Criado por Nutricionistas