Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.
Benefícios da ameixa (além de ajudar a ir no banheiro)

Benefícios da ameixa (além de ajudar a ir no banheiro)

Compartilhar
Legenda: 
Benefícios da ameixa (além de ajudar a ir no banheiro)
Atualizado em  novembro 2023

Quem nunca ouviu de sua mãe ou avó que suco de ameixa é ótimo contra a constipação e outros problemas intestinais? Mas você sabia que isso não é uma mera crença popular? Pois é! A ameixa não apenas ajuda na digestão, como também pode trazer uma série de outros benefícios para a saúde.

Mas afinal, quais os benefícios da ameixa? Para ajudar a tirar essa dúvida, o Que Bem Que Faz trouxe este artigo com informações sobre a ameixa: quais os tipos de que existem, que benefícios elas podem trazer para a saúde e como incluir essa saborosa fruta na sua dieta. Fique ligado!

 

Tipos de ameixa

Pode ser meio difícil compilar todas as variedades de ameixa que existem – afinal, essa é uma fruta extremamente diversificada, com até 140 tipos diferentes! Ainda assim, é possível agrupar toda essa variedade em dois tipos principais: a ameixa natural e a ameixa seca.

Geralmente, o tipo de ameixa natural que encontramos no mercado são aquelas com a casca roxa, avermelhada ou alaranjada, com uma polpa que também pode ser ou arroxeada ou alaranjada.

No caso da ameixa seca, geralmente conseguimos encontrá-la ou em conserva, ou separada em potinhos. Sua aparência costuma ser mais enrugada – e há quem diga que seu sabor é mais presente, mais doce.

Mas e quanto aos benefícios da ameixa? Quais são? Existe alguma diferença nutricional entre a ameixa natural e a ameixa seca? Falaremos um pouco mais sobre isso ao longo do texto. Acompanhe!

 

Benefícios da ameixa

Que as ameixas são muito boas para a saúde a gente já sabe, mas o que faz essa saborosa fruta ser tão benéfica? Vamos conhecer um pouco sobre os benefícios da ameixa:

Benefícios da ameixa: rica em nutrientes

Extremamente rica em antioxidantes, a ameixa possui cerca de 15 tipos diferentes de vitaminas e minerais em sua composição nutricional, além de fibras e outros nutrientes.

Em comparação com a ameixa seca, a ameixa natural contém menos calorias, sendo uma opção melhor para a dieta. Apesar disso, ela possui quantidades menores de nutrientes – como a vitamina K, por exemplo, que está presente em maior quantidade na ameixa seca.

Além disso, a ameixa seca também possui maiores quantidades de vitaminas do complexo B, carboidratos e fibras que a ameixa comum, podendo ser uma boa opção para quem quer um lanche que dê mais energia e uma maior sensação de saciedade.

Benefícios da ameixa: ajuda contra a constipação

Provavelmente um dos benefícios da ameixa mais conhecidos – até porque, quem nunca ouviu sua avó falando para tomar um suquinho de ameixa para melhorar a dor de barriga, não é?

Pois bem, não é lenda urbana! A ameixa pode sim fazer um bem danado para a saúde do sistema digestivo. Isso acontece porque ela é uma fruta muito rica em fibras, que ajudam na melhora da movimentação do intestino; além de ajudar contra bactérias ruins para a saúde do sistema digestivo, o que pode te proteger de doenças intestinais a longo prazo.

Apesar desses benefícios, tome cuidado para não ingerir ameixa demais, pois essa fruta é considerada um laxante natural – portanto, pode ser que ela solte o seu intestino até demais. Para quaisquer dúvidas sobre a quantidade de ameixa recomendada para consumo, procure pela orientação de um nutricionista.

Benefícios da ameixa: rica em antioxidantes e anti-inflamatórios

Dentre os benefícios da ameixa, esse é um dos mais interessantes de se ter conhecimento. A ameixa é muito rica em antioxidantes e anti-inflamatórios; por conta disso, ela pode ajudar a evitar processos inflamatórios no organismo, ajudando na prevenção de doenças do coração ou mesmo alguns tipos de câncer, o que garante uma melhora na qualidade de vida.

Além do mais, a ameixa possui mais que o dobro de antioxidantes e anti-inflamatórios em comparação com outras frutas pertencentes à mesma família, como pêssegos e nectarinas.

Benefícios da ameixa: ajuda no controle glicêmico

Pouca gente sabe, mas um dos benefícios da ameixa é o auxílio no controle glicêmico. Por conta disso, a ameixa é uma boa opção de alimento para pessoas que sofrem de diabetes, ou mesmo aquelas que querem prevenir o desenvolvimento da doença ao longo da vida.

A ameixa ajuda no controle glicêmico por ser capaz de aumentar os níveis de adiponectina do organismo, que é um hormônio extremamente importante para a regulação dos níveis de açúcar na corrente sanguínea.

Além disso, as fibras presentes na ameixa também efetuam um papel importante na regulação da glicose no sangue – até porque, elas contribuem na redução da resistência do organismo à insulina e retardam a digestão, ajudando o corpo a absorver melhor os carboidratos.

Benefícios da ameixa: melhora a saúde dos ossos

Como mencionado anteriormente, a ameixa é extremamente rica em vitamina K, antioxidantes e anti-inflamatórios, que são compostos muito importantes para a proteção e melhora da saúde dos ossos.

A ameixa auxilia na prevenção de problemas como a osteoporose e a osteopenia, por exemplo, além de ajudar a reverter perdas de massa óssea que já tenham acontecido no decorrer da vida.

Benefícios da ameixa: melhora a saúde do coração

Esse é um benefício que é devido às propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias da ameixa, que ajudam a regular a pressão arterial e controlar os níveis de colesterol LDL (“ruim”) da corrente sanguínea, contribuindo para a prevenção de doenças do coração ao longo da vida.

Benefícios da ameixa: é uma grande aliada da dieta

E é claro, para quem apenas busca uma opção saudável de alimento para incluir em sua dieta, essa informação não poderia ficar de fora. Um dos benefícios da ameixa é que ela, apesar de muito nutritiva, possui poucas calorias, o que faz dela uma ótima opção para incluir na dieta.

Suas propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias também facilitam a perda de peso, visto que elas podem evitar quaisquer processos inflamatórios que venham a deixar o corpo inchado e com uma sensação de mal estar.

 

Como incluir a ameixa na dieta

Você pode se aproveitar dos benefícios da ameixa da forma que preferir – afinal, se trata de uma fruta extremamente versátil, que pode ser usada no preparo de sobremesas, molhos, sucos, vitaminas, receitas, ou simplesmente ser consumida in natura. As opções se limitam apenas à sua imaginação!

Porém, tenha em mente que o consumo excessivo de ameixa também não é recomendado. Tenha moderação – e procure pela orientação de um nutricionista e de um médico para possíveis restrições alimentares. Se estiver tudo certo, é só aproveitar essa fruta que, além de muito saudável, é uma delícia!


Perguntas frequentes

  • Posso comer ameixa em grandes quantidades?

    O ideal é que não. Como a ameixa é considerada um laxante natural, pode ser que seu consumo excessivo cause um desequilíbrio na flora intestinal. Por conta disso, o melhor é procurar pela orientação de um nutricionista sobre a quantidade ideal de ameixa a ser consumida em sua dieta.

  • Qual a diferença entre a ameixa fresca e a ameixa seca?

    A principal diferença entre a ameixa fresca e a seca é que a fresca possui menos calorias, e uma quantidade relativamente menor de vitamina K em comparação com a ameixa seca. Apesar disso, ambas possuem poucas calorias e são extremamente nutritivas!

  • Posso comer a casca da ameixa?

    Sim, o recomendado, na verdade, é que a casca da ameixa seja consumida – até porque, a maior parte das fibras presentes na ameixa estão localizadas em sua casca.

     

Fontes

https://www.webmd.com/food-recipes/benefits-plums#:~:text=Plums%20are%20chock%20full%20of,and%20may%20even%20reverse%20it. https://www.healthline.com/nutrition/benefits-of-plums-prunes https://www.medicalnewstoday.com/articles/plum-nutrition-facts

O QbemQfaz é um portal de conteúdos sobre saúde, nutrição, bem-estar e alimentação saudável da Nestlé. Os conteúdos desse site têm caráter informativo e não substituem o aconselhamento e acompanhamento médico, nutricional e de outros profissionais de saúde.