Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

Dieta intermitente: como fazer?

Legenda: 
Dieta intermitente

Atualmente, muitas dietas ficam populares de uma forma muito rápida. Uma dessas é a dieta intermitente, que consiste em não comer alimentos sólidos por uma certa quantidade de horas seguidas, por alguns dias da semana, de forma programada. Depois desse período, você volta a ter sua alimentação habitual, de preferência com uma grande quantidade de alimentos com baixo teor de açúcares e gorduras.

Ela pode trazer alguns benefícios, como:

Para conseguir esses benefícios, a estratégia mais comum para iniciar é ficar sem comer por 14 ou 16 horas, apenas ingerindo líquidos, como água, chá e café sem açúcar.

 

Como fazer a dieta intermitente?

Existe mais de um tipo de fazer a dieta intermitente, mas em todas elas é feito um período de restrição na ingestão de alimentos, intercalando com um período em que se pode comer. No caso de você nunca ter feito esse tipo de dieta, normalmente é recomendado fazer dieta intermitente uma vez por semana e, no máximo, 16 horas, podendo ser aumentado de forma gradual.

Quais alimentos incluir

 

Exemplo de cardápio de dieta intermitente de 16h

Café da manhã

Jejum: água, café ou chá sem adoçar.

Almoço (12:00)

1. Opção: 1 sobrecoxa de frango ensopada com brócolis e cenoura + 3 colheres de sopa de arroz integral + 2 colheres de sopa de feijão + salada com alface, agrião e tomate + 1 pera com casca.
2. Opção: 1 filé de peixe assado com tomates e pimentões + 2 batatas pequenas assadas + chicória refogada + 1 tangerina.
3. Opção: 1 pegador de espaguete integral com molho de tomate caseiro + 1 bife grelhado + salada de grão de bico com cenoura, cebola e tomate + 1 fatia média de melão.

Lanche da tarde (16:00)

1. Opção: 1 banana em rodelas com 1 colher de sopa de aveia + 1 colher de sobremesa de manteiga de amendoim e canela em pó à gosto.
2. Opção: 1 porção de castanha e caju + 1 fatia média de melancia.
3. Opção: torrada com 1 fatia de pão integral + ¼ de abacate fatiado fino + 1 colher de sobremesa de creme de ricota, sal e pimenta.

Jantar (19:00)

1. Opção: 1 omelete de vegetais com 2 ovos, espinafre, cebola e tomate + 2 col sopa de quinoa + 2 col sopa salada feijão fradinho + ½ abacate.
2. Opção: 1 filé de frango grelhado com cebola e pimentões + 2 col de sopa de arroz integral + salada de alface, rúcula e espinafre + 1 caqui.
3. Opção: 1 posta de peixe ensopado + brócolis, cenoura e couve flor refogados + 2 batatas doces pequenas cozidas + 1 pêssego.

Ceia

Jejum: água, café ou chá sem adoçar.

Esse cardápio é apenas um exemplo. Se você pretende seguir a dieta intermitente, visite um nutricionista e veja suas necessidades individuais. É importante ter um acompanhamento nutricional para que você não deixe nada para trás e consuma o que precisa.

Gostou da dica? Não deixe de acompanhar os próximos artigos do Que Bem que Faz sobre alimentação e saúde!


Perguntas frequentes

  • Quais alimentos são permitidos na dieta intermitente?

    Os alimentos permitidos na dieta intermitente são: verduras, legumes, frutas, carnes, cereais integrais e macarrão integral. Evitando açúcar, doces e alimentos gordurosos.

  • Dieta intermitente emagrece?

    A dieta intermitente pode te ajudar a emagrecer, mas o mais importante é ter um acompanhamento nutricional para que ele possa te orientar da maneira mais adequada sobre o que fazer para perder peso.

  • É permitido comer ovo na dieta intermitente?

    Sim. Ovos são boas fontes de proteínas e podem ser uma boa opção para te ajudar a saciar a fome. Consuma até 2 ovos no dia e de preferência cozido.

Fontes:

https://www.brazilianjournals.com/ojs/index.php/BRJD/article/download/27354/21650 https://www.revistas.ponteditora.org/index.php/jim/article/download/290/207/ https://scholar.google.com.br/citations?user=rHMPWaAAAAAJ&hl=pt-BR&oi=sra https://rasbran.com.br/rasbran/article/download/1779/361

Lilian Barbosa

Esse artigo foi: Criado por Nutricionistas