Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

Qual a melhor dieta para secar?

Legenda: 
Dieta para secar: frutas

Você já ouviu falar do termo: ‘dieta para secar’? Pois bem, é assim que as pessoas costumam chamar qualquer dieta que tem a finalidade da perda de peso e gordura. O termo “seco” é muito utilizado por praticantes de musculação, crossfit ou atletas de fisiculturismo, fazendo referência àquele indivíduo que tem pouca gordura corporal.

Normalmente quem busca dietas para secar, quer resultados rápidos e imediatos. Por isso, medidas mais radicais normalmente são utilizadas, como:

1. Dieta low carb ou cetogênica: baixíssima quantidade de carboidratos e grande consumo de proteínas e gorduras. Restringindo a principal fonte de energia do corpo (carboidratos), o obrigamos a usar outras fontes de energia como a nossa gordura, o que acaba promovendo perda de peso. Aviso: como toda dieta restritiva, essas duas não são sustentáveis por muito tempo, já que podem deixar fora do cardápio nutrientes importantes para a nossa saúde.

2. Atividade física intensa: 2 a 3 treinos ao dia e normalmente com bastante intensidade. Isso faz com que o indivíduo queime bastantes calorias, promovendo também a perda de peso.

3. Uso de chás ou medicamentos diuréticos: esses compostos fazem com que o corpo elimine líquidos, o que dá a falsa sensação de perda de peso.

4. Uso de termogênicos ou produtos “queimadores de gordura”: esses suplementos têm a promessa de acelerar metabolismo e queimar gordura, o que também faria o indivíduo “secar”.

Todas as estratégias acima envolvem perda de peso rápida, caminhos considerados milagrosos, grande restrição de alimentos ou alimentos proibidos e atividade física intensa. Mas de novo: nada disso é sustentável a longo prazo e, mais importante, tudo isso precisa ser feito com a orientação de especialistas.

A pessoa que faz esse tipo de dieta para secar pode até conseguir “secar” mesmo, mas muito provavelmente voltará com os hábitos antigos após algum tempo, ganhando peso e gordura novamente. Por isso, vamos te contar sobre uma dieta para secar e como começar.

 

Qual a melhor dieta para emagrecer e perder gordura?

A melhor dieta é aquela que você faz com constância, que se aplica a você e ao seu estilo de vida, que considera os seus hábitos e preferências. E você pode começar por pequenas mudanças no seu dia a dia e que vão garantir resultados.

1. Beba mais água e menos bebidas açucaradas como refrigerantes.

2. Coma mais comidas in natura e caseiras e menos fast foods e refeições prontas.

3. Insira uma atividade física em sua rotina.

4. Não faça dietas para secar radicais. Faça mudanças graduais, incorpore novos hábitos à sua rotina e mude seu comportamento em relação a comida.

Lembre-se sempre que o peso e os hábitos adquiridos hoje, vêm de muito tempo (meses ou até anos). Por isso é muito difícil perder tudo de maneira rápida e radical. Aliás, isso nem é muito recomendado. Fazer uma dieta de maneira gradual ajuda a absorver melhor as mudanças.

Quer saber mais sobre dietas e descobrir como começar uma dieta saudável? É só acompanhar o conteúdo do Que Bem Que Faz e conferir dicas e mais dicas para ter um estilo de vida mais saudável.

Carolina Horcajo Agostinetti, nutricionista


Perguntas frequentes

  • Quais são os melhores alimentos para secar a barriga?

    Invista em alimentos ricos em proteínas e fibras, assim sua sensação de saciedade ficará prolongada. Mas atente-se: é importante comer quando você sente fome, respeite o que seu corpo pede e quando pede.

  • Existe suco para secar a barriga?

    Alguns sucos são bons para regular o intestino, aumentar a atividade, dar uma sensação de saciedade e entre outros. Mas, no geral, não substitua refeições por sucos. Eles devem ser um complemento da sua alimentação saudável, práticas de exercícios e hábitos benéficos para a sua saúde.

  • Referências:

    SANTANA, H.M.M; MAYER, M.D.B; CAMARGO, K.G. Avaliação da adequação nutricional das dietas para emagrecimento veiculadas pela internet. Revista Conscientiae Saúde, 2003. Disponível em: https://periodicos.uninove.br/saude/article/view/203/192.

    EDER, P; COELHO, J.G.P. Dietas e seus malefícios. Revista Vida e Saúde, 2017. Disponível em: https://publicacoeseventos.unijui.edu.br/index.php/moeducitec/article/view/8504.

    PERINAZZO, C; ALMEIDA, J.C. Composição nutricional de dietas para emagrecimento divulgadas em revistas não científicas. Ciências da Saúde, 2010. Disponível em: https://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/158001.

Esse artigo foi: Criado por Nutricionistas