Legenda: Lanches saudáveis para as crianças

Nada melhor do que os seus pequenos abrirem a lancheira no recreio e devorarem todo o lanche que você preparou para eles. Dá até gosto de ver. Quer saber como fazer lanches para crianças? O Que Bem Que Faz te apresenta receitas deliciosas de lanches saudáveis para a criançada e fáceis de fazer para você.

Seja para levar para a escola, seja para comer em casa ou num passeio: vamos mostrar aqui como você pode fazer lanches saudáveis para crianças sem abrir mão do sabor. Os pequenos vão curtir e pedir mais. Vamos lá!

 

Lanches para crianças: o que precisa ter

Um bom lanche – além de ser gostoso – tem que ter variedade, o que garante uma nutrição balanceada para as crianças. E, sim, a variedade pode incluir umas guloseimas de vez em quando, claro. Afinal, a criançada adora!

O ideal é preparar os lanches para crianças com opções nutritivas e saborosas. Veja o que não pode faltar na lancheira e nos demais lanchinhos da turma:

  • 1 opção de proteína: iogurte, ovo, omelete, queijo, ;
  • 1 opção de carboidrato: pães, torradas, bolo, biscoitos;
  • 1 opção de vitaminas,minerais e fibras: frutas ou vegetais;
  • 1 opção de líquido: sucos, chás, água de coco.

 

E para que servem esses alimentos? Veja a seguir a função de cada um:

  • Energéticos: os carboidratos são a principal fonte de energia para o corpo; sempre quando possível, vale apostar nas versões integrais, que de quebra ainda fornecem fibras;;
  • Construtores: os alimentos ricos em proteína ajudam na construção dos tecidos do organismo, trabalham para manter os músculos saudáveis e ainda dão uma forcinha para a imunidade;
  • Reguladores: são os alimentos ricos em vitaminas, minerais e fibras, principalmente frutas, verduras e legumes, que ajudam a regular as funções do organismo, como a digestão; atuam também no sistema imunológico e na circulação sanguínea, entre muitas outras funções.

Na infância e na adolescência, o corpo gasta muita energia para crescer e se desenvolver e, por isso, precisa de alimentos nutritivos – inclusive, nos lanchinhos entre as refeições. Essa alimentação saudável ajuda no processo de aprendizagem e de crescimento. Confira a seguir os alimentos de cada categoria:

 

Alimentos para os lanches das crianças

Energéticos:

  • Pães de farinhas integrais (de aveia, de grãos, de centeio, integral, preto), pão francês com gergelim, pão sírio;
  • Bolos simples (de cenoura, laranja, banana, fubá, maçã);
  • Barra de cereais;
  • Bolachas doces ou salgadas sem recheios;
  • Geleia de frutas;
  • Mel.

 

Construtores:

  • Leite e achocolatados em embalagem longa vida, que garantem durabilidade;
  • Queijos, como queijo branco, ricota, queijo cottage;
  • Iogurtes.

 

Reguladores:

  • Frutas frescas, inteiras higienizadas: maçã, banana, pera, mexerica, uva, morango, ameixa, goiaba, pêssego e outras.

 

Aproveite e dê uma espiadinha no nosso artigo 5 lanches saudáveis e práticos para crianças.

Checklist: lanches para crianças

Quando o assunto é preparar o lanche dos filhos, alguns pais e algumas mães ficam de cabelo em pé.. Mas calma que com estas dicas simples vai ser fácil resolver isso:

  • Planejar: procure montar um cardápio da semana. Faça uma lista do que precisa comprar antes de ir ao mercado e deixe tudo esquematizado para o dia a dia. Organizar-se com antecedência facilita muito.
  • Variedades: ofereça alimentos diferentes para cada dia, por que as crianças podem ficar desinteressadas com lanchinhos repetitivos (mais adiante vamos mostrar várias opções).
  • Saber as preferências: anote os alimentos que os pequenos mais gostam de comer. Converse com as crianças e pergunte se o lanche estava bom, e se gostariam de algo diferente. Isso ajuda a conhecer mais as preferências e assim garantir que a lancheira volte vazia!.
  • Criançada na cozinha: convide os pequenos para participarem da montagem dos lanches. É uma maneira de eles terem mais contato com os alimentos. Vale a pena conferir as nossas dicas para crianças participarem na cozinha.

 

Lanches saudáveis para escola: como armazenar

Você escolheu uma das várias opções de lanches saudáveis para escola que conheceu aqui. Preparou com a ajuda dos filhotes e está tudo ótimo. Agora só precisa ter os últimos cuidados: o armazenamento, a higienização e o prazo de validade. Tudo isso vai garantir um alimento mais saboroso, seguro e saudável. Veja a seguir o que fazer:

1. Lancheiras: dê preferência às lancheiras térmicas, pois conservam mais os alimentos.
2. Higienizar a lancheira: a higienização da lancheira deve ser feita regularmente.
3. Separar os alimentos: para que não haja mudança no sabor e no cheiro, armazene os alimentos dentro de potes com tampas.
4. Lavar as frutas: lave bem as frutas e seque-as; se cortar as frutas em pedaços, como mamão e melão, armazene-as em potes adequados.
5. Conservar o sanduíche: coloque num porta sanduíche adequado.
6. Prazo de validade: confira sempre o vencimento dos produtos antes de montar os lanches para as crianças.

Não deixe de conferir o nosso artigo Monte uma lancheira saudável que vai voltar sempre vazia.

 

31 receitas incríveis de lanches para crianças

Nem sempre é fácil agradar a criançada e, ao mesmo tempo, oferecer um lanchinho nutritivo e saudável. Pensando nisso, listamos 31 ideias incríveis de lanches para crianças, com variedades surpreendentes e opções saborosas – de lanchinhos bem básicos e fáceis a opções mais elaboradas, porém todas incrivelmente deliciosas. Receita boa é receita compartilhada, então bora lá:

Lanches para crianças: fontes de proteínas e carboidratos

 

Lanches para crianças: fontes de carboidratos

 

Lanches para crianças: fontes de vitaminas e minerais

 

Lanches para crianças: líquidos

 

Gostou das dicas? Então navegue pelo nosso site Que Bem Que Faz para descobrir diversos caminhos para uma vida equilibrada. Tudo o que você precisa saber sobre saúde, nutrição e alimentação de uma maneira descomplicada.

Ah, e já vá montando os lanches para a criançada! Até a próxima.

 

Perguntas Frequentes

O que fazer de lanche escolar?
Os lanches para crianças devem conter alimentos com fontes de proteínas (leite, iogurte, ovo, queijo, cereais), carboidratos (pães, bolos, biscoitos), vitaminas, minerais e fibras (frutas, vegetais e sucos). Verifique sempre a validade dos produtos e não se esqueça de higienizar alimentos, utensílios e a própria lancheira.

O que colocar na lancheira do meu filho?
É importante colocar alimentos que o seu filho goste, mas também opções saudáveis.. Outra regra de ouro é variar as opções: além de evitar que a criança fique enjoada dos mesmos alimentos, você ainda garante uma boa gama de nutrientes.

Como manter o lanche fresquinho na lancheira?
Dê preferência às lancheiras térmicas, por conservarem mais a qualidade dos alimentos. Sucos e iogurte devem ser refrigerados: retire-os apenas na hora de montar os lanches para as crianças. Embrulhe os sanduíches em papel alumínio e, se possível, coloque-os dentro de potes com tampa. Se o lanche for preparado na noite anterior, deixe-o na geladeira e retire-o de manhã na hora de ir à escola.

 

Fontes:

sbp.com.br/fileadmin/user_upload/pdfs/Manual_Lanche_saudavel_04_08_2012.pdf

agenciabrasilia.df.gov.br/2014/02/02/nutricionista-orienta-pais-sobre-preparo-do-lanche-escolar

receitasnestle.com.br

Assine a nossa Newsletter

A certificação de metodologias que nos auxiliam a lidar com o desafiador cenário globalizado.

Digite um e-mail válido.