Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

Benefícios da jaca: vamos te falar sobre as propriedades e benefícios da fruta

Legenda: 
Benefícios da jaca

A jaca é uma fruta muito comum no Brasil, mais presente na região sudeste, podendo ser vista até em árvores na rua. Mas quais são os benefícios da jaca? Fica aí que a gente vai explicar tudo o que você precisa saber sobre essa fruta e por que adicioná-la na sua alimentação pode ser uma ótima ideia. Vamos?

 

Sobre a jaca

A jaca – ou a Artocarpus heterophyllus, como é chamada cientificamente – é uma fruta grande, que pode chegar até 15kg, com a polpa macia e amarelada, de casca verde amarelada e repleta de sementes por entre a polpa da fruta. Ela possui uma textura áspera e pode ter até 500 sementes por fruto – bastante, né? Essa árvore trazida da Índia tem cerca de 20m de altura e seus frutos crescem em galhos relativamente próximos ao chão. Além disso, as jacas podem variar entre mole, dura e manteiga, com texturas diferentes.

A árvore floresce em épocas chuvosas, entre janeiro e março, podendo produzir até 45 frutos por árvore. Seu sabor adocicado e seu aroma são fortes, sendo uma fruta usada para a fabricação de doces, compotas, geléias, polpas congeladas, bebidas e muito mais.

A polpa ainda pode ser usada na fabricação de carnes vegetarianas, recheando coxinhas, tortas e salgados – uma opção extremamente viável para quem não consome produtos de origem animal.

 

Benefícios da jaca: semente

As sementes da jaca, quando assadas e moídas, formam a farinha de semente de jaca, que é, assim como as demais farinhas que conhecemos, usada para a fabricação de doces, biscoitos e massas.

Você pode cozinhá-las se preferir, assim elas ficam mais moles e melhores para comer. Assim você consegue aproveitar quase todas as partes da fruta e ter um aperitivo diferente e saboroso.

 

Benefícios da jaca: minerais

A jaca contém minerais importantes em sua composição – incluindo o magnésio, manganês, ferro e potássio, uma combinação que favorece a saúde dos dentes e ossos, produção de colágeno, controle do nível da água no corpo e até mesmo a regulação dos batimentos cardíacos.

Portanto, um dos benefícios da jaca é conter minerais que ajudam na regulação das ações do nosso corpo, dando uma mãozinha para que o nosso organismo funcione plenamente e de forma equilibrada.

 

Benefícios da jaca: vitaminas

A fruta tem quantidades moderadas de vitaminas A, B2 e C, que ajudam amplamente na saúde dos olhos, cabelos, pele, boca e ossos. Também auxiliam no crescimento e na formação de células do sangue, além de evitar o envelhecimento precoce, prevenir doenças e ajudar o sistema imunológico. As vitaminas A e C possuem propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes, que ajudam o nosso corpo a combater doenças, previnem a ação de radicais-livres e os processos inflamatórios.

Ainda pode regular o nível de açúcar no sangue, prevenindo doenças relacionadas a grandes quantidades de açúcares no organismo.

 

Benefícios da jaca: proteínas

Para uma fruta, a jaca tem uma quantidade moderada de proteínas, com cerca de 1,4g de proteína a cada 100g da fruta – enquanto nossas necessidades diárias desse componente são de cerca de 0,8g para cada quilo de peso corporal. De fato, parece não ser tanto assim, mas ela pode ser mais fácil alcançar suas necessidades de proteína por meio do consumo de porções de jaca em conjunto com uma alimentação equilibrada.

Se quiser acompanhar mais conteúdos como esse, explore o Que Bem que Faz e leia mais pautas sobre alimentação e saúde para você ficar nutrido de informações!


Perguntas frequentes

  • Faz mal comer jaca?

    Se você não tiver nenhuma alergia à fruta ou sensibilidade, não.

  • Quais são os benefícios da jaca?

    Os benefícios da jaca, considerando seu perfil nutricional, incluem contribuir para prevenção de doenças, ajudar na saúde da pele, dentes, ossos e cabelos, além de auxiliar nos processos corporais em geral – como a produção de colágeno, por exemplo.

  • Pode comer a semente da jaca?

    Sim! As sementes da jaca podem ser assadas ou cozidas para serem consumidas como aperitivo ou um lanche, além de poderem se tornar uma farinha – que pode ser usada para fazer doces e biscoitos.

Fontes:

https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/alimentos_regionais_brasileiros_2ed.pdf https://www.healthline.com/nutrition/jackfruit-benefits#TOC_TITLE_HDR_6 https://www.cfn.org.br/wp-content/uploads/2017/03/taco_4_edicao_ampliada_e_revisada.pdf

Esse artigo foi: Criado por Nutricionistas