Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.
Óleos essenciais

Óleos essenciais: eles funcionam mesmo?

Compartilhar
Legenda: 
Óleos essenciais
Atualizado em  dezembro 2023

Muito utilizados na aromaterapia, os óleos essenciais são feitos com o extrato concentrado de plantas e flores. Esses diferentes aromas podem estimular partes do nosso organismo, sendo capazes de afetar nossas emoções, humor e nos trazer memórias afetivas positivas.

Se interessou? Então veja a seguir o que são os óleos essenciais e se eles realmente funcionam!

 

Óleos essenciais: o que são?

Os óleos essenciais são compostos que capturam a "essência" e o aroma de plantas e flores, como lavanda, hortelã-pimenta, sândalo ou camomila. Eles são removidos por prensagem ou destilação e são super concentrados.

Além disso, os óleos essenciais são absorvidos pelo corpo tanto através do cheiro como ao serem aplicados na pele, não devendo ser ingeridos. Veja a seguir quais são os principais tipos de óleos essenciais.

 

Óleos essenciais: aromas populares

Há mais de 90 tipos diferentes de óleos essenciais no mercado; no entanto, alguns são mais conhecidos e utilizados por conta de suas propriedades. Veja a seguir:

Cada tipo de óleo essencial tem diferentes propriedades, que vão do calmante ao bactericida. Além desses, há muitos outros tipos de óleos essenciais para experimentar.

 

Óleos essenciais: eles funcionam mesmo?

Embora a ciência ainda tenha muito a pesquisar sobre os efeitos dos óleos essenciais em nosso organismo, diversos estudos afirmam que os óleos essenciais funcionam e que podem ajudar a:

Isso acontece porque os óleos essenciais podem afetar o sistema límbico, aquele que é responsável por controlar nossas emoções e percepções sensoriais como as memórias afetivas causadas pelo cheiro. Assim, os óleos essenciais transmitem uma sensação de calma e tranquilidade capazes de afetar todas as áreas do nosso organismo.

 

Óleos essenciais: dicas de uso

Que os óleos essenciais não devem ser ingeridos, nós já sabemos – mas há diversas dicas preciosas que irão te ajudar a utilizar os óleos essenciais da melhor forma caso você decida experimentá-los. Por exemplo:

1. Qualidade: ao comprar qualquer produto, é importante checar a qualidade do óleo essencial que você está adquirindo. Os óleos essenciais sintéticos, por exemplo, podem não funcionar tão bem quanto um óleo essencial feito com produtos naturais;
2. Validade: apesar de não parecer, os óleos essenciais possuem data de validade: em geral, eles não duram mais do que 3 anos, por conta da exposição ao oxigênio. Com o tempo, além de não funcionarem tão bem, eles podem irritar sua pele e causar alergias. Se você tem um óleo essencial antigo, com uma aparência diferente, cheiro ou textura estranha, pode ser uma boa ideia descartá-lo;
3. Pele: caso você decida aplicar um óleo essencial em sua pele, esteja atento se ele é adequado para esse uso. Não utilize em pele machucada ou irritada, e esteja atento à idade: idosos e bebês são mais sensíveis aos óleos essenciais, podendo ter reações alérgicas com seu uso inadequado.
4. Armazenamento: para evitar que o óleo estrague, é importante seguir as instruções de armazenamento na embalagem. Além disso, mantenha o óleo em um lugar alto e longe do alcance de crianças, já que pode ser tóxico se ingerido;
5. Alergias: se sua pele reagir de forma alérgica ao óleo essencial, descontinue seu uso imediatamente e procure a orientação de um médico especialista.

Seguindo essas orientações, saber como os óleos essenciais funcionam e como utilizá-los fica bem mais fácil, não é mesmo? Confira essas e outras dicas aqui no Que Bem Que Faz!


Perguntas frequentes

  • Para que servem os óleos essenciais?

    Os óleos essenciais, além de terem um aroma agradável, estimulam o sistema límbico, podendo trazer uma sensação de tranquilidade, prevenir doenças e ajudar no controle emocional.

  • Quanto tempo leva para o óleo essencial fazer efeito?

    Os óleos essenciais demoram de 2 a 20 minutos para fazer efeito em nosso corpo, de acordo com suas propriedades, forma de aplicação e organismo.

     

Fontes

https://health.clevelandclinic.org/essential-oils-101-do-they-work-how-do-you-use-them/ https://www.healthline.com/nutrition/what-are-essential-oils https://www.webmd.com/skin-problems-and-treatments/ss/slideshow-essential-oils https://www.conic-semesp.org.br/anais/files/2017/trabalho-1000025472.pdf https://www.ecycle.com.br/oleos-essenciais/ https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/26473822/ https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/7954745/ https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/25612776/ https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3853939/

O QbemQfaz é um portal de conteúdos sobre saúde, nutrição, bem-estar e alimentação saudável da Nestlé. Os conteúdos desse site têm caráter informativo e não substituem o aconselhamento e acompanhamento médico, nutricional e de outros profissionais de saúde.