Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.
Alimentos construtores, reguladores e energéticos: o que são?

Alimentos construtores, reguladores e energéticos: o que são?

Compartilhar
Atualizado em  novembro 2023

Você pode não conhecer os termos “alimentos construtores”, “alimentos reguladores” e “alimentos energéticos”, mas eles fazem mais parte da sua vida do que você imagina! 

Esses grupos de alimentos são fundamentais para uma alimentação saudável e equilibrada, pois fornecem nutrientes essenciais para o funcionamento do nosso corpo.

Os alimentos construtores oferecem proteínas, responsáveis pela formação e reparação dos tecidos; os reguladores dispõem vitaminas e minerais, que ajudam a manter o equilíbrio do organismo; já os energéticos são responsáveis por fornecer energia para o corpo.

Para entender melhor quais as funções de cada um e quais alimentos fazem parte de cada grupo, leia a matéria que o Dicas Molico preparou para você!

 

Alimentos construtores: atuam no fortalecimento e regeneração de tecidos

Os alimentos construtores são ricos em proteínas e atuam na regeneração e na formação de novos tecidos no corpo humano

Carnes animais, ovos, laticínios e leguminosas (feijão, soja, ervilha, lentilha, grão-de-bico, etc) se destacam entre os principais alimentos construtores. 

Esse grupo alimentar é fundamental para pessoas que querem manter ou aumentar a massa muscular, ou para quem está em algum processo de cicatrização da pele. . 

Além desses benefícios, os alimentos construtores ajudam no bom funcionamento da imunidade e trabalham também na formação de hormônios, ajudando a regular o metabolismo.

Você sabia que esses alimentos são indicados para atletas, crianças e até mesmo idosos? Nos casos dos atletas, os alimentos construtores ajudam na manutenção e ganho de massa muscular. 

Por sua vez, crianças e adolescentes necessitam desses alimentos para o processo de desenvolvimento e crescimento. Já no caso dos idosos, os alimentos construtores ajudam a prevenir e retardar a perda de massa muscular.

 

Alimentos reguladores: fornecem disposição para o dia a dia

Os alimentos reguladores são fontes de fibras, vitaminas e  minerais. Como o próprio nome revela, eles atuam na regulação das funções básicas do nosso organismo, como, por exemplo, o funcionamento do intestino, equilíbrio da microbiota intestinal  e até mesmo no fortalecimento da imunidade.

Frutas, legumes e hortaliças são os principais alimentos reguladores e não devem faltar na sua alimentação. Uma dieta com falta desses alimentos pode causar deficiências nutricionais, que podem causar desde o enfraquecimento dos cabelos e das unhas até mesmo problemas de memória. .

 

Alimentos energéticos: essenciais para a qualidade de vida

Os alimentos energéticos são indispensáveis para o fornecimento de energia para o organismo. Durante o processo de digestão, esses alimentos, ricos em carboidratos, são transformados em glicose e assim  fornecem energia para o corpo. 

Sem eles, uma simples caminhada seria inviável e até mesmo nossas funções neurais seriam prejudicadas. Batatas, arroz, aipim, pães e massas são exemplos de alimentos energéticos e que devem fazer parte da sua alimentação.

Embora os alimentos energéticos sejam frequentemente considerados prejudiciais à boa forma, não é preciso temê-los. Em uma dieta equilibrada e rica em nutrientes, combinada com um estilo de vida ativo, esses alimentos podem ser consumidos sem culpa.

No entanto, é importante lembrar que o nutricionista é o profissional mais adequado para orientar sobre o plano alimentar ideal, personalizado para cada indivíduo e suas necessidades específicas, independentemente do objetivo desejado - perda de peso, ganho de massa muscular ou reeducação alimentar.

Se gostou desse conteúdo, continue explorando o Dicas de Molico!

 


Perguntas frequentes

O que são alimentos construtores, reguladores e energéticos?

Os alimentos construtores são ricos em proteínas e têm como função principal ajudar na construção de novos tecidos no nosso organismo. Os alimentos energéticos, como o próprio nome sugere, são responsáveis por fornecer energia para o corpo. Já os alimentos reguladores são aqueles responsáveis por regular as funções do nosso organismo, como, por exemplo, a digestão e o sistema imunológico.

 

Referências

Alimentação Saudável. BVSMS, 2011.

Da Silva, L. A. Cartilha de Alimentação Saudável. Universidade Federal do Sul da Bahia, 2020.

O QbemQfaz é um portal de conteúdos sobre saúde, nutrição, bem-estar e alimentação saudável da Nestlé. Os conteúdos desse site têm caráter informativo e não substituem o aconselhamento e acompanhamento médico, nutricional e de outros profissionais de saúde.