Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

Cicatrizes: conheça os tipos e como cuidar

Legenda: 
Cicatrizes: menino com cicatriz no nariz

Causadas por traumas na pele, todo mundo tem ou já teve uma cicatriz. Esse processo natural de regeneração da pele muitas vezes acaba deixando marcas, de diferentes formas, tipos e tamanhos. Vamos entender melhor como cuidar e tratar dos diversos tipos de cicatrizes? Vem com a gente!

 

Cicatriz comum (normotrófica)

A cicatriz normotrófica, ou cicatriz comum, é aquela que se regenera bem: os tecidos da pele voltam ao seu aspecto original, recuperando quase 100% do tecido, deixando apenas pequenas marcas ou descolorações da pele. Essas cicatrizes acontecem após machucados simples ou operações. Os cuidados necessários para uma cicatriz comum consistem em garantir que, durante o processo de cicatrização, nenhuma infecção ou outra lesão ocorra.

 

Cicatriz atrófica

Este tipo de cicatriz se caracteriza quando há um afundamento da pele, pois algo causou uma perda estrutural do tecido daquela região. É um tipo de cicatriz muito comum em casos de acne ou acidentes. Procedimentos a laser ou a ingestão de colágeno podem melhorar o aspecto desse tipo de cicatriz.

 

Cicatriz hipertrófica

A cicatriz hipertrófica é similar à cicatriz queloidiana. Esse tipo de cicatriz ocorre quando, durante o processo de cicatrização, o corpo produz muito colágeno, tendo como resultado uma pele em relevo e avermelhada. Esse tipo de cicatriz requer cuidados com a hidratação. O uso de compressas, injeções com corticóides, massagens ou até mesmo cirurgias também são opções para diminuir o aspecto inchado da cicatriz.

 

Cicatriz queloidiana

A cicatriz queloidiana também ocorre pela produção excessiva de colágeno; contudo, esse tipo de cicatriz pode se espalhar e causar incômodos como coceira e dores que devem ser tratados com medicamentos e muita hidratação.

As quelóides possuem um aspecto endurecido, crescem de forma a ultrapassar as linhas da cicatriz e têm uma origem genética, sendo mais comuns em negros e asiáticos. As quelóides são mais difíceis de tratar, pois, ao serem uma condição genética, ocorre que elas muitas vezes voltam a crescer. Entretanto, tratamentos com lasers, raio-x, injeções com esteróides e criocirurgia (congelar e remover a cicatriz) podem ajudar a obter resultados melhores. Você pode entender melhor as quelóides nesse artigo sobre O que é uma cicatriz quelóide?

 

Cicatriz queloidiana X Cicatriz hipertrófica

Apesar de parecidas, a cicatriz queloidiana e a cicatriz hipertrófica não são as mesmas: enquanto que a cicatriz queloidiana consiste em uma condição genética de superprodução de colágeno na cicatrização de feridas – consistindo em uma cicatriz que pode aparecer anos após o trauma e crescer de forma contínua, atravessando os limites da própria cicatrização, muitas vezes causando incômodo e coceira –, a cicatriz hipertrófica, por sua vez, surge alguns dias após o machucado e com o tempo normaliza sua coloração com a cor natural de sua pele, reduzindo o aspecto avermelhado. Essa cicatriz não causa coceira ou desconfortos e não cresce de forma excessiva, sendo mais comum que a cicatriz queloidiana.

 

Como prevenir cicatrizes?

Para evitar as marcas e o crescimento das cicatrizes, é necessário cuidar para que o processo de cicatrização seja o mais tranquilo possível. Isso significa higienizar bem as feridas, evitar coçar, manter a área hidratada e protegida contra o sol, utilizar os medicamentos necessários para uma boa cicatrização e ter uma alimentação equilibrada, para que seu corpo consiga manter os nutrientes necessários durante esse processo – afinal, a vitamina D e a vitamina C ajudam seu sistema circulatório a funcionar melhor e melhoram a cicatrização.

 

Como tratar cicatrizes?

As cicatrizes costumam melhorar seu aspecto com o passar dos anos; no entanto, algumas cicatrizes podem ter um processo de melhora mais complicado do que outras. Isso significa que talvez seja hora de consultar seu dermatologista, para que ele possa indicar o tratamento mais adequado segundo o tamanho, tipo e aspecto de sua cicatriz.

Dentre os tratamentos conhecidos, é possível citar:


Perguntas frequentes

  • Quanto tempo demora para uma cicatriz se formar?

    O processo de cicatrização no corpo humano dura em volta de 3 meses; no entanto, algumas cicatrizes – como a cicatriz queloidiana – pode demorar um pouco mais para surgir.

  • O que causa uma má cicatrização?

    A idade, genética, má alimentação, tabagismo, o uso de alguns medicamentos e doenças crônicas como hipertensão, diabetes e infecções locais, são algumas das causas mais comuns para uma má cicatrização.

    Fontes:

    https://www.nhs.uk/conditions/scars/

    https://www.medicinenet.com/scars/article.htm

    https://my.clevelandclinic.org/health/diseases/11030-scars

    https://www.webmd.com/beauty/cosmetic-procedures-scars#1

    https://www.andreventurelli.com.br/conteudo/cuidados-com-a-cicatrizacao-cicatriz.html

    https://www.healthline.com/health/vitamin-e-oil-scars

    https://blog.shopfisio.com.br/cicatriz/

    https://lipodream.com.br/quais-sao-os-tipos-de-cicatrizes/

    https://www.cplasticabrasilia.com.br/cirurgias-reparadoras/tratamento-de-cicatriz-hipertrofica-e-queloides.asp

    https://www.danielpinheiromachado.com.br/conheca-os-tipos-de-cicatrizes/

    https://www.dermaclub.com.br/blog/noticia/cicatriz-como-diminuir-quais-os-tipos-como-se-forma-o-queloide-saiba-tudo-sobre-essas-marcas-na-pele_a7796/1

Fontes:

https://www.nhs.uk/conditions/scars/ https://www.medicinenet.com/scars/article.htm https://my.clevelandclinic.org/health/diseases/11030-scars https://www.webmd.com/beauty/cosmetic-procedures-scars#1 https://www.andreventurelli.com.br/conteudo/cuidados-com-a-cicatrizacao-cicatriz.html https://www.healthline.com/health/vitamin-e-oil-scars https://blog.shopfisio.com.br/cicatriz/ https://lipodream.com.br/quais-sao-os-tipos-de-cicatrizes/ https://www.cplasticabrasilia.com.br/cirurgias-reparadoras/tratamento-de-cicatriz-hipertrofica-e-queloides.asp https://www.danielpinheiromachado.com.br/conheca-os-tipos-de-cicatrizes/ https://www.dermaclub.com.br/blog/noticia/cicatriz-como-diminuir-quais-os-tipos-como-se-forma-o-queloide-saiba-tudo-sobre-essas-marcas-na-pele_a7796/1

Esse artigo foi: Criado por Nutricionistas