Créditos: gettyimages
Legenda: Quem te viu, quem te vê: comida vegana não é aquela coisa sem graça, sem gosto e que você nunca comeu!

Das duas, uma: ou você tem tempo ou tem habilidades dignas de mágico para o horário do almoço caber em apenas uma hora. Estamos falando de cozinhar, comer, limpar e ainda tomar o cafezinho em meros 60 minutos. Parece impossível, não é?

O home office (ou, em bom português, trabalho remoto) é uma confusão de atividades pessoais, profissionais e domésticas. Entre a faxina e responder o e-mail do chefe, sobra quanto tempo para cozinhar?

Quem gosta de planejar cardápio, consegue distribuir bem essa tarefa ao longo dos dias e pode ser uma excelente saída para você. Por outro lado, se esse não é seu negócio, então você precisa de dicas de salvação da cozinha rápida, prática e que cabe direitinho no horário de almoço.

LEIA TAMBÉM:

1. Micro-ondas para que te quero

É o que a Paola Carosella faria na casa dela? Provavelmente não, mas aqui trabalhamos com a realidade. Existem muitos pratos que dá para preparar no micro-ondas, desde bolos na caneca (não são almoço, em!) até arroz. Não só ele esquenta sua comida, mas é um aliado que economiza alguns bons minutos do fogão. Já pensou em almoçar frango à parmegiana, salmão ao limone, almôndegas de carne e até escondidinho de carne-seca sem sujar nenhuma panela? O sonho da juventude!

2. Na falta, vai de lanche

É certo que nem todos os dias você estará com pique ou tempo para preparar o almoço mais elaborado. Por isso entram em cena os lanches, dos mais simples aos que parecem elaborados e não são. Em vez do tradicional (e incrível) pão com ovo, troque alguns ingredientes pelo que estiver na sua despensa: abacate, tomate, berinjela e mesmo cebola já transformam qualquer sanduíche em algo mais agradável aos olhos (e cumprem o papel do almoço rapidinho). Vale lembrar que são opções para não ficar sem comer, mas não pode ser sempre, em?

Créditos: gettyimages
Legenda: Na falta, vai de lanche

3. Apele para os clássicos

Não existe incentivo maior do que ter que se virar nos 30, com fome e sem muitas habilidades na cozinha. Tem receitas que são grandes clássicos, porque – pasmem – funcionam maravilhosamente bem. Tá sem tempo e com pressa? Vamos de omelete, crepioca, macarrão com atum ou uma salada bem básica do que tiver na geladeira. O grande segredo de conseguir variar pelo menos um pouco é ter temperos diferentes na prateleira. Sal, pimenta-do-reino e limão fazem milagres, mas não são os únicos.

4. Reaproveitar é economizar (tempo e comida)

Se falta criatividade na hora de cozinhar, dê uma olhada no que já está na geladeira. Sobrou arroz do delivery de ontem? Jogue uns temperos, creme de leite, batata-palha e transforme em arroz de forno; ou combine com ovos e legumes para preparar uma tortilla diferentona. O esquema é não desperdiçar nem ficar com fome!

5. Ingredientes rapidinhos para dar um jeito na vida

A vida corrida não permite tempo para fazer aquele arroz e feijão de respeito? Então confie em outros tipos de ingredientes que cozinham mais rápido e são tão bons quanto. Abobrinha, mandioquinha, berinjela, chuchu, brócolis, vagem, ervilha-torta e couve-flor são alguns dos legumes que você pode refogar e montar no prato em menos de 10 minutos. Já ouviu falar de lentilha? Aquele grão famoso do Ano Novo não só traz boa fortuna, mas cozinha bem mais rápido que feijão. Descobrir essas minúcias da cozinha vão te fazer uma pessoa mais feliz (e alimentada, claro).

6. Não deixe sua casa sem ovos

Caso você seja vegan, desconsidere essa ideia. Para quem consome ovos, esse ingrediente é imprescindível para preparar algo rápido e gostoso de vários jeitos. Já falamos da omelete e da crepioca, mas dá para fazer caçarolas com ovos e outros legumes, como pimentão, cenoura e abobrinha. Suja só uma panela e cozinha rapidinho!

Coma sem culpa (e peça comida de vez em quando)

Vamos fazer as pazes com nossa alimentação? Nem sempre você vai ter o tempo que gostaria, a disposição que precisa ou a vontade de comer uma saladinha com omelete. Então liberte-se da ideia de "ter que" cozinhar todas as suas refeições – todo mundo vai acabar no deliveryvez ou outra. E tá tudo bem!

Assine a nossa Newsletter

A certificação de metodologias que nos auxiliam a lidar com o desafiador cenário globalizado.

Digite um e-mail válido.