Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

Como aliviar cólicas com chás?

Legenda: 
Como aliviar cólicas com chás

As cólicas menstruais podem ser bem incômodas, principalmente se você precisa cumprir tarefas ao longo do dia, como trabalhar, estudar ou outras. Elas podem ser constantes e fortes, podendo até mesmo causar desmaios.

Há mais de uma maneira de diminuir ou acabar com as dores. Vamos agora conferir uma das formas para atenuar suas cólicas menstruais e ajudar a cumprir as atividades diárias com o mínimo desconforto possível, que são os chás para cólicas menstruais.

Mas antes, vamos falar um pouco sobre as cólicas e porque elas ocorrem. Vamos lá?

 

Cólicas menstruais: por que ocorrem?

As cólicas menstruais acontecem todo mês e são o resultado da não fecundação do óvulo. Mas não é o óvulo que causa as cólicas, apesar de você poder sentir uma dor de ovulação: elas são um produto mais direto da eliminação que seu corpo fez para conceber uma criança.

Trocando em miúdos, ao ser sinalizado da não fecundação, o seu corpo se desfaz dos tecidos que ele preparou para que o óvulo fecundado pudesse se desenvolver. E isso gera dor! As contrações para “jogar fora” esses tecidos são as famosas cólicas menstruais, que duram até que tudo vá embora.

Mas como aliviar as cólicas?

 

Métodos para aliviar cólicas

Existem diversas formas para aliviar cólicas menstruais – como ficar em posições confortáveis por algum tempo; medicamentos, como analgésicos e anti-inflamatórios; bolsa de água quente; e os chás, que são o tema principal deste artigo.

 

Chás para aliviar cólicas

Tratando especificamente de chás para aliviar cólicas, eles podem podem ajudar muito no dia a dia. Para que isso seja possível, as ervas e folhas usadas para os chás devem ter propriedades:

Chá de melissa

As folhas de melissa, erva-cidreira, ou alecrim-do-campo, apresentam propriedades antiespasmódicas, podendo ser muito úteis para as cólicas menstruais. De acordo com estudos, também podem ter propriedades levemente sedativas.

Infusão:

Chá de poejo

Não há tantos estudos em torno do poejo – porém, tradicionalmente, ele é usado como antiespasmódico. Não há contraindicações até o momento, mas o consumo deve ser moderado, assim como qualquer chá aqui apresentado. Podem ser consumidas até 2 xícaras por dia, por 2 semanas.

Infusão:

Chá de orégano

Por mais que o orégano seja comumente utilizado como especiaria e tempero no dia a dia, ele pode se tornar um bom chá para aliviar cólicas menstruais, já que possui propriedades antiespasmódicas e anti-inflamatórias. Pode ser consumido até três vezes ao dia.

Infusão:

Chá de marcela-galega

A marcela-galega, também conhecida como macelinha, apresenta propriedades antiespasmódicas e anti-inflamatórias, além de ser um repelente de insetos. A infusão pode ser consumida até 2 vezes por dia, mas fique atenta a possíveis alergias.

Infusão;

Chá de marcela

Apesar do nome ser parecido, a marcela é diferente da marcela-galega. Para fazer o chá para aliviar as cólicas é necessário utilizar suas inflorescências, ou seja, um conjunto de flores que parecem uma única. Ela tem propriedades antiespasmódicas, anti-inflamatórias e analgésicas. O chá pode ser consumido até 3 vezes por dia.

Infusão:

Chá de malvariço

O malvariço possui diversos nomes: orégano-francês, hortelã-graúda, hortelã-da-bahia, hortelã-grande e malva-de-cheiro. Suas propriedades mais fortes não estão diretamente relacionadas com as dores, mas o chá pode ajudar a aliviar cólicas por ter propriedades anti-inflamatórias.

O malvariço pode reagir com alguns medicamentos, como antimicrobianos, então cuidado ao consumir o chá.

Infusão:

Chá de capim-limão

O capim-limão é bem conhecido popularmente e suas folhas têm propriedades anti-inflamatórias e analgésicas. Se você possui úlceras ou gastrite, este chá não é recomendado.

Infusão:

Chá de gengibre

O gengibre é um poderoso anti-inflamatório e pode ser muito eficaz contra diversos tipos de dores – como dores de cabeça e musculares. Ajuda ainda com enjôos e náuseas, sendo um grande aliado contra os desconfortos mensais.

Ele é versátil, e pode ser combinado com outras ervas e especiarias para adquirir um sabor diferente. Saiba mais sobre o gengibre e suas propriedades aqui: chá de gengibre,o versátil: aprenda várias dicas desse chá incrível.

Infusão:

 

Cuidados

Lembramos que é importante coar todos os chás depois de infusionar as folhas e flores, porque algumas estruturas podem causar efeitos indesejados no corpo. Ainda recomendamos que você beba os chás de maneira balanceada, já que eles podem fazer mal em excesso.

Se quiser saber mais sobre alimentação e saúde, explore o Que Bem que Faz e acompanhe outros artigos!


Perguntas frequentes

  • Como aliviar cólicas?

    As cólicas podem ser aliviadas com a administração de medicamentos, chás com propriedades que irão ajudar nas dores menstruais, bolsas de água quente, posicionar-se em posições mais cômodas, massagens e alguns exercícios.

  • Quais comidas devo evitar enquanto estou menstruada?

    Comidas com excesso de açúcar e sal, bebidas alcoólicas, café e comidas picantes podem piorar alguns sintomas da menstruação – como as dores de cabeça, inchaços, mudanças de humor e dores nas mamas.

  • O que comer para melhorar os sintomas da menstruação?

    Invista em alimentos mais saudáveis, com baixas taxas de gordura, sal e açúcares, como verduras (folhas verdes), frutas e legumes (principalmente os alaranjados), oleaginosas – que são ricas em gorduras boas – e cereais integrais, como a aveia.

  • Fontes

    https://hortodidatico.ufsc.br/tag/antiespasmodico/

    https://www.cuf.pt/mais-saude/o-que-nao-deve-comer-durante-menstruacao

Fontes

https://hortodidatico.ufsc.br/tag/antiespasmodico/ https://www.cuf.pt/mais-saude/o-que-nao-deve-comer-durante-menstruacao

Esse artigo foi: Criado por Nutricionistas