Suplemento alimentar para idosos: conheça os benefícios

Legenda: 
Benefícios do Suplemento alimentar para idosos

Conforme ficamos mais velhos, nosso corpo vai perdendo a capacidade de absorver corretamente certos nutrientes, o que pode ser uma dor de cabeça para quem quer ter uma vida saudável. Para contornar isso, uma boa dica é o uso de suplementos alimentares!

Suplementos alimentares podem ser bons em qualquer idade, desde que usados com indicação de um médico ou nutricionista – afinal, o uso indiscriminado de qualquer coisa pode acabar não sendo tão bom assim para a saúde, não é?

Buscando entender um pouco mais sobre o uso de suplemento alimentar para idosos – quais nutrientes precisam de mais atenção e quais cuidados tomar –, o Que Bem Que Faz trouxe este artigo com algumas informações que podem lhe ajudar a esclarecer suas dúvidas. Vamos lá?

 

O que é um suplemento alimentar

Suplementos alimentares são substâncias que podem ajudar a acrescentar nutrientes que estão em falta em sua dieta, além de ajudar a evitar alguns problemas de saúde como a osteoporose (suplementação de cálcio e vitamina D) ou a artrite. Os suplementos alimentares podem vir de diversas formas, seja em forma de cápsulas, em pó, comprimidos ou mesmo jujubas!

Geralmente os suplementos alimentares buscam suprir uma série de nutrientes, como minerais, fibras, aminoácidos e vitaminas; no entanto, é possível encontrar suplementos para nutrientes mais específicos, como apenas de vitamina C ou apenas de colágeno. A suplementação alimentar geralmente é feita com o acompanhamento de um médico e de um nutricionista.

 

Preciso tomar suplementos alimentares?

Para a maioria das pessoas, uma alimentação saudável e equilibrada já é o suficiente para suprir as necessidades nutricionais. No entanto, conforme vamos envelhecendo, pode ser que fique difícil absorver corretamente os nutrientes presentes nos alimentos; nesse caso, pode ser que a suplementação alimentar seja recomendada.

O uso de suplementos alimentares é recomendado também para gestantes, lactantes, mulheres no período de menopausa, crianças, pessoas com restrições alimentares, portadores de doenças crônicas, atletas, etc.

 

Suplemento alimentar para idosos

Conforme vamos envelhecendo, sabemos que cresce a necessidade de certos nutrientes em comparação com quando éramos mais jovens. Mas afinal, que nutrientes podem ser necessários repor quando chegamos na maior idade? É isso que veremos a seguir:

Cálcio

O cálcio é um nutriente essencial para manter a saúde dos ossos conforme vamos envelhecendo – pois nossos ossos vão ficando mais fracos e quebradiços, o que pode acarretar problemas de saúde como a osteoporose e reumatismos (artrite e artrose). Para prevenir esses problemas, o uso de suplementos de cálcio geralmente é recomendado.

Claro que você também pode encontrar cálcio em alimentos, principalmente no leite e seus derivados, peixes enlatados e vegetais de folha verde escura; no entanto, com o avanço da idade, a absorção do nutriente através da alimentação pode se tornar mais difícil.

Vitamina D

A vitamina D, que pode ser adquirida ao tomar sol, começa a ter sua capacidade de absorção reduzida conforme vamos envelhecendo. Para evitar que isso ocorra, a sua suplementação junto de suplementos de cálcio costuma ser recomendada. Desta forma, é possível evitar problemas na saúde dos ossos.

Vitamina B6

A vitamina B6 é muito importante, pois auxilia na formação de glóbulos vermelhos. Ela costuma ser encontrada em batatas, bananas, peito de frango e cereais fortificados. Porém, devemos ter em mente que, com a idade, pode se tornar difícil absorver esses nutrientes através da alimentação – por isso que a suplementação é tão importante.

Vitamina B12

Assim como a vitamina B6, a vitamina B12 ajuda na formação de glóbulos vermelhos; mas, além disso, ela também auxilia a manter os nervos saudáveis. Conforme vamos envelhecendo, a absorção dessa vitamina é reduzida, o que pode acarretar problemas como o Mal de Alzheimer. Para prevenir que isso ocorra, a suplementação de vitamina B12 é fortemente recomendada.

 

Que cuidados devo tomar?

O uso indiscriminado de suplemento alimentar para idosos – assim como para qualquer outra idade – pode levar a problemas como a hipervitaminose, que acontece quando ocorre uma intoxicação por excesso de vitaminas no organismo. Para evitar que isso aconteça, o ideal é que, antes de começar a ingerir qualquer suplemento alimentar, se procure por orientação médica e de um nutricionista; afinal, mesmo que durante a terceira idade, ainda existem alguns alimentos que podem suprir suas necessidades nutricionais sem precisar do uso de suplementos.

Conhece algum idoso que esteja curioso sobre a necessidade de suplementação alimentar e queira melhorar sua saúde e sua qualidade de vida? Compartilhe este artigo com ele! E lembre-se, nada de ingerir suplementos sem prescrição médica, viu?


Perguntas frequentes

  • Quais os benefícios do suplemento alimentar para idosos?

    A suplementação alimentar para idosos pode ajudar a evitar uma série de doenças que costumam ser mais frequentes conforme vamos envelhecendo – como a osteoporose, a artrite, a artrose, o Alzheimer e alguns tipos de câncer. Mas, lembre-se: antes de começar a consumir suplementos alimentares, procure pela orientação de um médico e de um nutricionista.

  • Quais os riscos do suplemento alimentar para idosos?

    Seja para idosos ou para pessoas de qualquer faixa etária, o uso excessivo de suplementos alimentares pode fazer mais mal do que bem para a saúde, podendo acarretar problemas como a hipervitaminose. Por conta disso, é sempre recomendado o uso de suplementos sob supervisão médica.

     

Fontes

https://www.nia.nih.gov/health/dietary-supplements-older-adults https://www.webmd.com/healthy-aging/news/20121130/older-adults-vitamins-supplements https://www.nhs.uk/common-health-questions/food-and-diet/do-i-need-vitamin-supplements/

Esse artigo foi: Criado por Nutricionistas