Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

Suplemento como parceiro no reforço da nutrição

Legenda: 
Suplemento na nutrição: comprimidos

O que são suplementos?

 

Suplementos vitamínicos são produtos destinados a oferecer os nutrientes necessários para seu organismo, como cálcio e vitaminas C ou E. Eles podem ser tomados como cápsulas ou líquidos, sendo grandes aliados para aqueles que não conseguem a quantidade necessária de nutrientes apenas através da alimentação.

Suplementos e alimentos naturais

Mas afinal, os suplementos alimentares são realmente necessários? É possível conseguir a nutrição necessária apenas através da alimentação?

Para aqueles que seguem uma dieta regrada e estão em dia com sua saúde, os nutrientes necessários para o organismo podem ser totalmente supridos com uma alimentação saudável; contudo, podemos utilizar o suplemento como parceiro no reforço da nutrição daqueles que, por algum motivo, não conseguem vitaminas o suficiente através de sua dieta.

Os principais grupos que podem precisar de suplementos são:

1- Grávidas e mulheres amamentando: afinal, os nutrientes são divididos com o bebê;

Idosos: com o chegar da idade, a diminuição da capacidade de absorver nutrientes é comum; bem como a falta de apetite, que pode causar má nutrição;

2- Pessoas com uma dieta restrita: veganos e vegetarianos, por exemplo, podem se deparar com uma deficiência de vitamina B12; por outro lado, os intolerantes à lactose podem encontrar dificuldade em suprir a necessidade fisiológica de cálcio;

3- Pessoas em grupos de risco: algumas pessoas podem ter uma necessidade maior de algum nutriente por estarem em um grupo de risco – como o da osteoporose, que necessita de mais cálcio;

4- Condições que atrapalham a absorção de nutrientes: Pessoas com a doença de Crohn, síndrome do intestino irritável, ou que fizeram a cirurgia de redução de peso, têm uma maior dificuldade em absorver e reter nutrientes, precisando de suplementação;

Carência vitamínica: Seja pela necessidade de uma única vitamina, ou o descobrimento de uma anemia, caso após um exame você se descobriu uma carência vitamínica, a suplementação se faz necessária.

Por esses e outros motivos, estar sempre em dia com seu médico é muito importante. Dessa forma, é possível identificar quais são as suas necessidades nutricionais e, se for necessária a suplementação, quais produtos deverão ser utilizados. Nada de se automedicar, hein?

Os suplementos alimentares não substituem o poder de uma boa alimentação balanceada, pois não contêm fibras ou outras substâncias como antioxidantes, que são super importantes para a saúde do corpo. O suplemento é apenas um parceiro na alimentação.

Suplemento como parceiro no reforço da nutrição: Carência vitamínica

Nosso corpo precisa de apenas uma pequena quantidade de vitaminas e minerais diariamente para se manter saudável, e isso pode ser adquirido tranquilamente através da alimentação. Algumas pessoas podem encontrar maiores dificuldades para conseguir esses nutrientes e, como resultado, temos a conhecida carência vitamínica.

Embora a carência vitamínica seja identificada principalmente por exames de sangue, alguns sintomas podem ser um indicativo de que é necessário estar atento à sua saúde e procurar acompanhamento médico, como:

1- Cabelos e unhas quebradiças: caso você esteja experienciando cabelos e unhas quebradiços, isso pode ser um sinal da deficiência em Biotina – também conhecida como vitamina B7 –, que tem como outros sintomas a fadiga crônica, câimbras, dores musculares e formigamento nas mãos e pés.

2- Úlceras na boca ou rachaduras nos lábios: Lesões dentro e ao redor da boca são um resultado da deficiência de ferro – ou de outras vitaminas do complexo B –, que causam rachaduras ao redor da boca, salivação e desidratação.

3- Gengivas sangrando: A vitamina C tem um importante papel na cicatrização e na manutenção da imunidade, prevenindo danos às células. Como resultado da deficiência em vitamina C você pode se deparar com gengivas sangrando, perda dos dentes e até mesmo o escorbuto.

4- Manchas brancas na visão e dificuldade de enxergar à noite: A vitamina A é aquela responsável por uma boa visão. Sua deficiência pode causar cegueira noturna e manchas brancas na visão e, se não tratada, pode se agravar até mesmo ao ponto da cegueira.

5- Caspa e dermatites: Embora seja uma condição comum, a caspa e outras dermatites podem sofrer com a influência da falta de vitamina. Dentre as principais causas estão os baixos níveis de zinco, vitamina B3, B2 e B6.

Agora que você já entende melhor sobre suplementação alimentar e deficiência vitamínica, é importante se alimentar bem e fazer consultas regulares ao médico. Dessa forma é possível realmente utilizar o suplemento como parceiro no reforço da nutrição de forma efetiva e saudável.


Perguntas frequentes

  • Quanto tempo leva para um suplemento vitamínico fazer efeito?

    Em geral, os suplementos demoram de 30 a 45 dias para surtirem algum efeito no organismo.

  • Faz mal tomar vitaminas todos os dias?

    Desde que as vitaminas tenham sido recomendadas pelo seu médico, junto com o acompanhamento e tratamento adequado, não faz mal ingeri-las diariamente

  • O que o excesso de vitamina pode causar?

    O excesso de algumas vitaminas como a vitamina A, E e D podem causar intoxicação, gerando náuseas, vômito e mal estar generalizado. Por outro lado, algumas vitaminas como a B e a C, ao serem ingeridas em excesso, são eliminadas naturalmente pelo corpo.

     

Fontes

https://www.mayoclinic.org/healthy-lifestyle/nutrition-and-healthy-eating/in-depth/supplements/art-20044894 https://newsinhealth.nih.gov/2013/08/should-you-take-dietary-supplements https://www.betterhealth.vic.gov.au/health/healthyliving/vitamin-and-minerals https://ec.europa.eu/food/safety/labelling-and-nutrition/food-supplements_nl https://www.healthdirect.gov.au/food-supplements https://www.healthline.com/nutrition/how-to-eat-healthy-guide https://www.healthline.com/nutrition/vitamin-deficiency

Esse artigo foi: Criado por Nutricionistas